Visitando o Museu da Moda – MoMu Antuérpia.

Olá meninas! Mas um post hoje e de verdade estou adorando esse negocio de blog haha. Hoje vim aqui contar pra vocês minha experiência no ‘MoMu’ abreviação de Mode Museum na língua neerlandesa. A viajem foi uma pequena excursão organizada pelo Friesland College onde eu estudava, para os alunos do 3º e 4º ano do curso design de moda. O grupo era grande e só meninas, imaginem a bagunça hahaha. Ficamos 2 dias na Bélgica, 1 dia para visitar o museu e outro dia para fazer aquelas comprinhas básicas de turistas. Gente eu amei a viajem, que espetáculo de cidade é a Antuérpia mas estava muito frio e a sensação térmica abaixo de 0. Abaixo, uma foto do pedacinho do centro de Antuérpia e da estação central de trem. Gente não levei minha câmera, fiz as fotos com meu Iphone 5.

Photo 24-01-13 21 11 40

A visita ao museu foi muito interessante, conhecemos um pouco mais sobre a autora desses lindos vestidos, a ‘Madame Grès’. Seu nome de certidão era Germaine Émilie Krebs (1903–1993) uma francesa da alta costura em Paris. Grès produzia alta costura para mulheres influentes e sofisticadas como; Duquesa de Windsor, Marlene Dietrich, Greta Garbo, Dolores Del Río e para a famosa Jacqueline Kennedy, esposa do presidente americano John F. Kennedy.

Photo 24-01-13 12 42 07Puro luxo!! A Madame Grès usava metros e metros de tecidos, isso porque ela não fazia esses vestidos por tamanho mas sim por moulagem, que é uma espécie de modelagem tridimensional direto no manequim ou no próprio corpo da modelo.

Photo 24-01-13 12 26 09

Olhem os detalhes gente! Ela sabia como ninguém fazer esculturas e foi treinada para isso. Escultura naquela época eram feitas somente por homens e nada de mulheres, a sua família não aceitava uma mulher como escultora.

Photo 24-01-13 12 24 32

Foi a partir daí que Madame Grès mudou a história da escultura e passou esculpir vestidos, drapeados, com longos metros de tecidos e fazia tudo a mão sem ao menos usar uma tesoura. E o mais engraçado de tudo isso, é que Madame Grès não sabia costurar. Ela desenvolveu uma técnica onde não era envolvida costura alguma. O resultado é um melhor caimento da roupa, já que foi feito pelas formas do corpo humano.

Photo 24-01-13 12 37 11

Outros grandes ícones da alta costura, como Yohji Yamamoto, Jean Paul Gaultier e Haider Ackermann se deixaram inspirar pelo esculpes de Madame grès. Abaixo um foto de umas das criações de Jean Paul Gautier. Amei essa peça, toda drapeada com couro e zíper. 

Photo 24-01-13 13 01 04

Desenhos feito por ela. Lindo de mais!! Gente saí de lá toda inspirada assim como todo mundo que vê seus trabalhos. A exposição foi de setembro de 2012 até fevereiro de 2013.

Photo 24-01-13 12 44 32

Além de ser uma grande escultora de vestidos, ela também fazia esses desenhos maravilhosos.  Uma coisa que ela sempre dizia ao longo de sua trajetória era: “Eu queria ser escultora”. Será que vou conseguir desenhar também, tão detalhado desse jeito? Bom, Madame Grès me deixou que queixo caído! 

Photo 24-01-13 12 44 37

Foi uma experiência e tanto para mim. Adorei tudo gente, fiquei encantada com os vestidos, desenhos e principalmente sua história. E espero que vocês leitores também tenham a mesma oportunidade de ver tudo isso, assim como eu tive.

Beijos!

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s